loader

PS quer ver estratégia e orçamento da Capital da Cultura. Valor pago ao diretor é «escandaloso»

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • PS quer ver estratégia e orçamento da Capital da Cultura. Valor pago ao diretor é «escandaloso»

O Partido Socialista pede à maioria PSD na Câmara da Guarda que dê a conhecer o plano estratégico e o orçamento da candidatura da cidade a Capital Europeia da Cultura.

Na sessão da Assembleia Municipal realizada na passada sexta-feira, o líder da bancada do PS, António Monteirinho, fez aquela exigência depois de considerar «escandaloso» o valor de 120 mil euros, acrescido de IVA, que a autarquia vai pagar ao diretor executivo da candidatura, Pedro Gadanho.

O também presidente da concelhia socialista afirmou-se preocupado com o «absoluto défice de informação» relativamente a uma candidatura que considera «um dos projetos estruturantes para a Guarda e para a região».

Critica que «no meio do período da pandemia» tenha sido celebrado, no início de Maio, o contrato da prestação de serviços com Pedro Gadanho, o qual corresponde «pelas contas feitas no período de duração», a um salário mensal «na ordem dos sete mil euros».

Trata-se de «contrato ruinoso» para as finanças municipais, considerou António Monteirinho, questionando que aquele técnico externo «possa auferir o estatuto remuneratório mais elevado do universo do município da Guarda».

Na resposta ao socialista, o presidente da Câmara Municipal da Guarda disse que a contratualização de Pedro Gadanho corresponde à solução encontrada pela Câmara.

O autarca reconheceu que o valor que vai ser pago ao diretor executivo da candidatura «é elevado», mas advertiu que «os bons profissionais fazem-se pagar».

Carlos Chaves Monteiro anunciou ainda que na próxima reunião do executivo, agendada para esta segunda-feira, será dado a conhecer o «relatório intercalar» da candidatura da Guarda a Capital Europeia da Cultura, documento que permitirá responder a algumas das questões suscitadas na Assembleia Municipal.

Oiça aqui o podcast:

Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.