Metade das vagas por preencher no IPG no ano com maior oferta. Quatro cursos esgotaram e dois não tiveram candidatos. Notas de acesso entre 9,5 e 13,4

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • Metade das vagas por preencher no IPG no ano com maior oferta. Quatro cursos esgotaram e dois não tiveram candidatos. Notas de acesso entre 9,5 e 13,4

O Instituto Politécnico da Guarda preencheu, na primeira fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior, 513 vagas e deixou 512 livres para a segunda fase. A procura das licenciaturas correspondeu, assim, a praticamente metade da oferta disponível, segundo os dados conhecidos esta noite.

Trata-se, porém, do maior número de colocações, em comparação com as registadas nos últimos anos. E isto quando o IPG foi, entre os politécnicos do país, o que teve maior crescimento na oferta [ver notícia aqui], superando pela primeira vez os 1000 lugares (entre a oferta inicial e o reforço decidido pelo Governo após um número recorde de candidaturas ao ensino superior).

É também a primeira vez, em mais de uma década, que o Politécnico da Guarda abre novos cursos: Mecânica e Informática Industrial e Biotecnologia Medicinal. A também anunciada licenciatura em Desporto, Condição Física e Saúde ainda não surge na lista de resultados da primeira fase.

Por outro lado, houve dois cursos cuja colocação excedeu a oferta inicial, somando os acessos ao abrigo dos vários contingentes: Enfermagem (na Escola Superior de Saúde), Gestão e Marketing (ambos na Escola Superior de Tecnologia e Gestão). Desporto (na Escola Superior de Educação, Comunicação e Desporto) também esgotou as vagas.

Em sentido contrário, as licenciaturas de Engenharia Civil e Engenharia Topográfica (na Escola Superior de Tecnologia e Gestão) não tiveram candidatos.

O curso de Enfermagem foi o que obteve a nota mais alta de acesso (13,4 valores). E voltou a haver, no IPG, ingresso com nota abaixo de 10: em Educação Básica e em Restauração e Catering.

A oferta formativa do Instituto Politécnico da Guarda para o corrente ano [Fonte: página do IPG na Internet]
Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.