loader

JSD da Guarda faz ultimato à ministra da Coesão Territorial: «ou consegue os descontos nas portagens ou tem de se demitir»

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • JSD da Guarda faz ultimato à ministra da Coesão Territorial: «ou consegue os descontos nas portagens ou tem de se demitir»

O presidente da comissão política distrital da Juventude Social Democrata, Luís Soares, lança um ultimato à ministra da Coesão Territorial: «ou consegue os descontos nas portagens ou tem de se demitir».

A estrutura distrital da Guarda da JSD reage assim às declarações de Ana Abrunhosa à Rádio [ver notícia aqui], que esclarece que o Governo «nunca prometeu a suspensão» do pagamento de portagens nas autoestradas do Interior.

«O que está em cima da mesa é uma redução», conforme já havia sido anunciado, disse Ana Abrunhosa. Trata-se de um desconto «que se pretende gradual» na A23 e na A25, num calendário a definir.

Ana Abrunhosa não se comprometeu com datas nem com outras medidas, nomeadamente a suspensão do pagamento pelo menos até ao fim do ano (defendida pela plataforma pela abolição das portagens), pois «como membro do Governo também me compete dizer a verdade».

E a verdade é que «neste momento não temos condições»: «Não temos condições financeiras, temos a taxa de desemprego a aumentar, temos as empresas em lay off, temos o sistema de saúde sob pressão», especifica.

Perante estas declarações, Luís Soares recorda que a ministra já antes tinha vindo à Guarda «comprometer-se com a descida de portagens». Só que «nem isso conseguiu».

Assim, a JSD da Guarda decreta que esta deslocação de Ana Abrunhosa ao distrito, na passada sexta-feira, marcou como que o início do «”velório” do Ministério da Coesão Territorial».

Luís Soares ressalva que os jovens social democratas concordaram com a criação desde ministério, mas desde que fosse acompanhado de «medidas e políticas para uma verdadeira coesão do território».

Mas esta nova pasta revelo-se «um “nado-morto”», situação agora confirmada no caso das portagens das autoestradas do Interior. Aliás, recorda, o Partido Socialista «há cinco anos prometeu abolir as portagens», promessa que «há alguns meses passou a desconto nas portagens».

Só que «os cidadãos do Interior não tiveram desconto, nem nas portagens nem em coisa alguma», acusa.

»O distrito da Guarda lamenta ter sido o local escolhido para o anúncio da morte do Ministério da Coesão Territorial», dizem os jovens do PSD. «Foi na prática o que a Ministra Ana Abrunhosa veio decretar ao dizer sumariamente que não há dinheiro para o Interior».

A JSD desafia assim Ana Abrunhosa, lembrando que a ministra da Coesão Territorial noutra altura «garantiu que, se não fosse cumprida a redução das portagens, se demitia. Esperemos que tenha a capacidade de cumprir pelo menos uma das promessas».

Oiça aqui o podcast:

Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.