“Estado financeiro crítico” não permite despoluir já o Rio Noeme, justificou a Câmara à Quercus

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • “Estado financeiro crítico” não permite despoluir já o Rio Noeme, justificou a Câmara à Quercus

A associação ambientalista Quercus diz ter aguardado dez meses pela reunião com a Câmara da Guarda que aconteceu esta sexta-feira. O tema do encontro foi a poluição do Rio Noeme.  Álvaro Amaro justificou com o "estado financeiro crítico" da autarquia a ausência de um horizonte temporal preciso para a resolução do problema. Foram realizados investimentos para a recolha dos efluentes da unidade industrital, na zona da Gata, que é principal poluidora mas não está ainda assegurada a ligação à ETAR de São Miguel. E isto porque há "terras de ninguém" neste processo, diz o presidente da Câmara, explicando que a autarquia está a tentar uma solução em articulação com a Águas do Zêzere e Côa, ao mesmo tempo que aguarda pelo próximo quadro comunitário de apoio para candidatar um projecto que resolva "de forma ampla" as questões ambientais ao longo do rio. Explicações que bastaram moderadamente à Quercus: "Pelo menos fomos recebidos e estamos minimamente satisfeitos por termos falado sobre o assunto", disse o dirigente local da associação, Bruno Almeida.

Oiça aqui:

Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.