loader

Dívida da Câmara da Guarda baixa para 17 milhões (sem a água). Contas de 2019 aprovadas só pelo PSD

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • Dívida da Câmara da Guarda baixa para 17 milhões (sem a água). Contas de 2019 aprovadas só pelo PSD

A prestação de contas de 2019 da Câmara da Guarda foi aprovada por maioria com os votos contra dos dois vereadores do Partido Socialista.

O documento foi à reunião do executivo da semana passada, a primeira com a participação presencial de todos os membros, e será debatido e votado na sessão ordinária da Assembleia Municipal a realizar na próxima sexta-feira.

O presidente do município, Carlos Chaves Monteiro, destaca os valores da amortização da dívida, em cerca de dois milhões e 200 mil euros, e também as taxas de execução da autarquia, na ordem dos 80 a 90 por cento.

 A dívida total do universo municipal estava, assim, nos 17 milhões de euros. Isto sem contabilizar os cerca de 30 milhões ao grupo Águas de Portugal, que permanece em litígio judicial com os municípios.

O voto contra do PS foi justificado pela vereadora Cristina Correia por várias razões, entre elas o facto de de ter havido um aumento de receitas, por via de impostos, que não se traduziu em obra realizada.

Por outro lado, assinala, o grau de redução da redução da dívida foi inferior ao de 2018. E há outros dados que levam os socialistas a considerar que a gestão da Câmara entrou numa fase «de degradação».

Oiça o podcast:

Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.