loader

Acordo para criação da primeira rede de Incubadoras Sociais de Emprego vai ser assinado hoje

  • Home    /    
  • Atualidade    /
  • Acordo para criação da primeira rede de Incubadoras Sociais de Emprego vai ser assinado hoje

O Acordo de Formação e Qualificação da Economia Social que se destina a criar o primeiro centro em Portugal dedicado a este setor, é assinado esta terça-feira, em Lisboa.

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho, confirmou a O INTERIOR que este centro vai ser criado na Guarda e vai gerar «conhecimento, investigação, formação, desenho de currículos para serem disseminados por todo o país». No total, o Governo estima investir cerca de 60 milhões de euros, financiados pelo Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), para dinamizar cinco memorandos celebrados entre o IEFP e entidades parceiras no âmbito do plano de investimento de modernização dos Centros de Formação Profissionais e dos Centros Protocolares na área da Economia Social, Digital, Transição Energética e da Ação Climática.

Ana Mendes Godinho já tinha anunciado que a Guarda seria a primeira cidade a nível nacional a integrar a rede de Incubadoras Sociais de Emprego, no âmbito de uma parceria entre o IEFP e o NERGA – Associação Empresarial da Região da Guarda, celebrada em dezembro passado. A ideia é fazer «uma ligação entre o mercado de trabalho, as suas necessidades, e as pessoas que estão na situação de desemprego para garantir a sua empregabilidade com soluções à medida», disse na altura a governante.

Definições de Cookies

A Rádio Altitude pode utilizar cookies para memorizar os seus dados de início de sessão, recolher estatísticas para otimizar a funcionalidade do site e para realizar ações de marketing com base nos seus interesses.

Estes cookies são necessários para permitir a funcionalidade principal do site e são ativados automaticamente quando utiliza este site.
Estes cookies permitem-nos analisar a utilização do site, por forma a podermos medir e melhorar o respectivo desempenho.
Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.

Cookies Necessários Permitem personalizar as ofertas comerciais que lhe são apresentadas, direcionando-as para os seus interesses. Podem ser cookies próprios ou de terceiros. Alertamos que, mesmo não aceitando estes cookies, irá receber ofertas comerciais, mas sem corresponderem às suas preferências.

Cookies Funcionais Oferecem uma experiência mais personalizada e completa, permitem guardar preferências, mostrar-lhe conteúdos relevantes para o seu gosto e enviar-lhe os alertas que tenha solicitado.

Cookies Publicitários Permitem-lhe estar em contacto com a sua rede social, partilhar conteúdos, enviar e divulgar comentários.