Os deputados do PS eleitos pela Guarda, Santinho Pacheco e Maria Antónia Almeida Santos, votaram a favor dos projectos de resolução para a abolição de portagens na A23 e na A25, apresentados esta sexta-feira no plenário da Assembleia da República pelo PCP, pelo Bloco de Esquerda e pelo Partido Os Verdes [ver notícia aqui]. Carlos Peixoto e Ângela Guerra, do PSD, seguiram o sentido de voto do grupo parlamentar e abstiveram-se. Mas foi o voto contra da larga maioria da bancada do PS que ditou o chumbo das propostas, que assim apenas contaram com a aprovação dos grupos parlamentares proponentes, do PAN e dos deputados socialistas "desalinhados". E o fim do pagamento de portagens pelo utilizador volta a não estar no horizonte.

Oiça aqui: