O concurso público para a modernização da Linha da Beira Alta no troço de 14 quilómetros entre as estações da Guarda e da Cerdeira foi ontem anunciado na Guarda pelo ministro do Planeamento e das Infraestruturas, Pedro Marques. A obra integra o plano "Ferrovia 2020" e deverá representar um investimento de cerca de 11 milhões de euros, dando continuidade à requalificação do chamado Corredor Ferroviário Internacional Norte. Depois da Linha da Beira Baixa, esta nova empreitada prossegue uma aposta no transporte ferroviário e permitirá «alavancar a economia» da Guarda e da região, assinalou o governante.

Oiça aqui: