A secretária de Estado do Turismo, Ana Mendes Godinho, diz que não está no horizonte do Governo acabar com a actual divisão das regiões de Turismo. Não é de uma estrutura autónoma que a Serra da Estrela precisa, esclarece a governante, que também não coloca no horizonte a revisão da concessão exclusiva à Turistrela da actividade turística acima dos 800 metros de altitude, embora admita fazer uma análise ao processo.

Oiça aqui: