O assunto do financiamento já se tornou uma tradição nos discursos de aniversário dos Bombeiros  da Guarda. No domingo, o presidente da direcção insistiu – uma vez mais – na necessidade de criar um cálculo que sirva de padrão para a Câmara sustentar as corporações do concelho. Mas evolução desde 2014 até agora merece o reconhecimento de Luís Borges.

Oiça aqui: