A inauguração da sede de candidatura da coligação CDS/MPT/PPM à Câmara da Guarda foi também o momento escolhido para o anúncio do nome do cabeça de lista à Assembleia Municipal: será Henrique Monteiro, que acumula a presidência das comissões políticas concelhia e distrital do CDS. A presidente do partido, Assunção Cristas, este presente este sábado na abertura do espaço, situado na Rua António Sérgio. E ouviram-se apelos à mobilização dos militantes e simpatizantes centristas, com acusações, por parte de Henrique Monteiro, a «outras candidaturas» que tentam «pescar» apoios na mesma área política. O dirigente local também aproveitou para desmentir as declarações de Carlos Gonçalves à Rádio [ver notícia aqui], garantindo que aquele fundador do núcleo de independentes da candidatura, que tornou público o abandodo do projecto, nunca teve quaisquer funções de responsabilidade na estrutura, designamente as de director de campanha. Essa coordenação é assegurada pelo próprio Henrique Monteiro e por Carlos Adaixo, garantiu. O candidato à Câmara não deixou também de responder aos que acusam esta coligação de ser politicamente uma «manta de retalhos». E reforçou a aposta da candidatura nos principais pontos programáticos: apoio ao investimento e à criação de emprego, redução de impostos, urbanismo e ambiente. A presidente do CDS, Assunção Cristas, disse ver neste conjunto de pessoas «uma candidatura estimulante» e, em resposta a uma pergunta da Rádio, admitiu quer a posição da actual vereadora do partido na Câmara da Guarda pode ser foco de mal entendidos mas não deu, e assegurou não ter dado internamente, quaisquer indicações sobre a posição política de Ana Isabel Baptista até ao final deste mandato. O distrito da Guarda foi o único no país onde o CDS não renovou os acordos de coligação com o PSD e isso pode levar a que vários eleitos se encontrem na dupla condição de pertencerem ainda a coligações de maioria integrando já projectos adversários. As decisões a tomar caberão aos próprios e às estruturas locais do partido, esclareceu. Além de Henrique Monteiro como candidato à Assembleia Municipal, ficou este sábado a saber-se que José Carlos Alexandre é o coordenador do programa eleitoral e Raul Araújo e Sabrina Matos são os mandatários para a juventude.

Oiça aqui: