Actualidade

Centenas de quilos de sementes foram lançadas no final da semana passada (por via aérea) em zonas devastadas pelos incêndios de meados de Outubro. A iniciativa (que terá continuidade no próximo ano) foi de um grupo de voluntários ligados à aviação civil. A Take C’air Crew Volunteers decidiu avançar com a primeira fase da operação nos concelhos de Gouveia, Seia, Mangualde, Oliveira do Hospital, Nelas e Tondela.

Oiça aqui:

A presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional, Ana Abrunhosa, explicou à Rádio que o parecer negativo dado pelos serviços locais de Ordenamento do Território ao pedido de ampliação das instalações da COFICAB, em Vale de Estrela, podia ter sido ultrapassado, se a empresa tivesse cumprido alguns pressupostos. Em causa estaria apenas a construção de um parque de estacionamento sobre uma zona protegida de vegetação. Mas há males que vêm, aparentemente: em vez de um investimentode 8 milhões de euros para criar… 40 postos de trabalho [ver notícia aqui], a multinacional COFICAB vai afinal realizar outro [ver aqui], na Plataforma Logística, de 25 milhões de euros para criar 130 empregos.

Oiça aqui:

 

 

O foco da intervenção do Bloco de Esquerda nos próximos tempos, na Guarda, está relacionado com a decisão de extinguir os Serviços Municipalizados de Águas e Saneamento e integrar as funções e o quadro pessoal na Câmara. Marco Loureiro, coordenador do partido, não tem à partida nada a opor ao processo, desde que sejam cumpridos três critérios: a qualidade do serviço, a salvaguarda dos direitos dos trabalhadores e a manutenção das instalações no centro histórico. A zona antiga precisa de movimento e a autarquia deve dar o exemplo, mantendo ali serviços abertos ao público. O Bloco antecipa que este será um «tema quente» do ano político e promete discussão de «assuntos importantes» para a Guarda. «Não fomentaremos debates como o das árvores no parque», diz Marco Loureiro. Essa é uma matéria na qual a Câmara «tem legitimidade para decidir, assumindo depois as responsabilidades pela decisão». O deputado também espera que o próximo mandato não seja mais um tempo de «lavar de roupa suja» entre a maioria e o Partido Socialista.

Oiça aqui:

 

A nova estrautura orgância da Câmara Municipal da Guarda, que vigorará a partir de Janeiro, incluirá um departamento de Administração e Coordenação Geral e seis divisões municipais: Adminsitração e Recursos Humanos; Finanças e Património; Planeamento, Obras e Urbanismo; Educação, Intervenção Social e Saúde; Cultura, Turismo, Desporto e Juventude; Ambiente, Equipamentos e Infraestruturas. Serão também criados gabinetes para a Reabilitação Urbana e para o Desenvolvimento Económico e a Coesão. «Eficácia e eficiência» são os objectivos da alteração, diz o presidente da Câmara. A oposição diz nada ter a opor e absteve-se.

Oiça aqui:

 

A Guarda vai deixar de ter Serviços Municipalizados Águas e Saneamento. Na prática, quase nada mudará, garante o presidente da Câmara. Todas as competências vão ser asseguradas pela autarquia, que integrará os funcionários. As alterações serão estruturais e permitirão trazer «ganhos de eficiência e gestão», justifica Álvaro Amaro. Argumentos que não convenceram os vereadores do PS, que votaram contra a proposta. Eduardo Brito considera que é uma decisão «pouco reflectida».

Oiça aqui:

 

 

Está entregue a candidatura da Serra da Estrela a geoparque. Nove autarquias da região e o Instituto Politécnico da Guarda organizaram o processo, que a presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional, Ana Abrunhosa, diz que tem todas as condições para ser bem sucedido. O vice-presidente do IPG, Gonçalo Fernandes, diz que o reconhecimento terá impacto positivo no ambiente, no turismo e na economia.

Oiça aqui:

 

Faz agora 19 anos que o Parque Arqueológico do Vale do Côa recebeu da UNESCO o reconhecimento de Património Mundial da Humanidade.

São tempos de viragem, garantem tanto o responsável da Fundação Côa Parque, Bruno Navarro, como o presidente da Câmara Municipal de Vila Nova de Foz Côa, Gustavo Duarte.

Oiça aqui:

>